Quando o telhado é o protagonista

Casa com telhado inclinado que vai até o chão com telhas shingle
Linhas de pilares juntam-se ao telhado que vai até o chão (Fotos Marcelo Donadussi, divulgação)

Uma casa de arquitetura única é o resultado deste projeto do escritório Ramella Arquitetura, hoje convertido na Galeria 733. Não bastasse o telhado em duas águas com telhas shingle, o recurso esperado para o topo da residência estende-se até o chão. A solução  cria um volume que pode ser admirado de mais de um ângulo porque a casa de 320 metros quadrados está implantada em uma esquina do Condomínio Ventura, em Xangri-lá, litoral norte gaúcho.

Linhas de pilares juntam-se ao telhado que vai até o chão (Fotos Marcelo Donadussi, divulgação)

– Para que esse telhado tivesse design não tão tradicional, continuaria o telhado até o chão e nesse recorte, bem centralizado, faria uma bay-window – estilizada, com teto de vidro e cortina motorizada –, com isso, o revestimento da parede de telhas shingle, com inclinação negativa, precisou ser grampeada para as telhas não soltarem – conta o arquiteto Blacio Junior, com especialização em Construção Civil, que ressalta ainda ter acompanhado por cinco anos o comportamento da obra de 2005 impecável até hoje.

Junto com o telhado e os pilares que se estendem inclinados como a cobertura formando um conjunto, é preciso dar o devido destaque ainda a um detalhe arquitetônico. Trata-se da mansarda, colocada em ponto estratégico para acomodar o piano de cauda e propiciar desse ponto a vista da rua.

Linhas de pilares juntam-se ao telhado que vai até o chão (Fotos Marcelo Donadussi, divulgação)

Pedido dos proprietários, o desenho da casa a partir de conceitos americanos, mas com “uma linha um pouco mais contemporânea”, tem a paleta de cores externas a partir do cinza da cobertura tipo shingle, com os acabamentos brancos nas áreas com pintura e o revestimento de pedra miracema branca (de tom acinzentado).

Interior branco da Casa Shingle
Interior branco destaca a arquitetura

No interior, o branco predomina, garantido pelo porcelanato no piso e na escada, envolopada com revestimento Portobello chamado “simplesmente branco” (hoje substituído por outros produtos) exibe brilho alvo que forra banheiros em pisos e paredes. As portas de correr em vidro branco permitem a integraçãos ambientes de cozinha e gourmeteria. O contraponto é o azul que traz à decoração pitadas de referência marinha. A exceção do telhado e dos revestimentos, os demais materiais foram escolhidos dentro da proposta de custo baixo no projeto de interiores, como é o caso do mobiliário. Essa questão não impediu que os donos se apaixonassem por toda a casa.

Interior branco da Casa Shingle
Ambientes integrados podem ser setorizados pela porta de correr
Interior branco da Casa Shingle
Toques de azul trazem referência praiana ao projeto de interiores da casa de lazer

Galeria 733

Claro que os arquitetos do escritório agora chamado Galeria 733 já receberam pedidos de uma nova residência com telhado inusitado. Mas outro trabalho fez sucesso e acabou se afirmando como uma vertente do escritório: as obras de arte do arquiteto artista Blacio Junior. Há aproximadamente três anos, Blacio expôs 30 obras na mostra chamada Revelação, de criações realistas feitas a lápis de cor. De lá para cá, acabou incluindo a arte no seu trabalho, apesar de dizer que é hobby. Até os 18 anos Blacio pintava. E hoje ele já sabe o que o público mais gostou. Foi um pássaro que ele fez aos 12 anos e outra criação, com galhos estilizados que formam o rosto de uma mulher. Impressões em fine art garantem a disseminação das obras preferidas dos clientes.

Dia 18 de janeiro, às 20h, haverá comemorações da nova marca do escritório, Galeria 733, em Capão da Canoa, no bairro Girassol, em uma das primeiras casa da região – na época havia a vizinhança praticamente apenas de dunas – junto com o lançamento de um livro do escritório com muitos tentáculos, que incluem serviços novos de assessoria e interiores.

Galeria 733 | Arquitetura, Design de Interiore e Arte

Rua Ivoti, 733, Bairro Girassol, Capão da Canoa, Rio Grande do Sul

galeria733.com.br

Instagram @galeria_733

 

 

Escrito por
Mais de Eleone Prestes

Moderna para Sempre – Fotografia Modernista Brasileira na Coleção Itaú Cultural mostrada na FIC

No dia 19 de maio, às 14h, a exposição Moderna para Sempre – Fotografia Modernista...
Leia Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *