A sustentável economia do telhado solar

energia-solar-placas-eleone-prestes
O preço da energia elétrica não para de subir. Apenas no último ano, a tarifa de energia elétrica já está quatro vezes maior que a inflação oficial, medida pelo IPCA, ao longo deste ano; enquanto a inflação ficou em 2,94% entre janeiro e julho, as famílias brasileiras viram a conta de luz aumentar 13,79% no mesmo período. Nesse cenário, empresas do setor fotovoltaico aproveitam a questão econômica com a tendência de investimentos em energia limpa para apresentar-se como uma escolha para o consumo consciente. Além disso, ter um teto solar pode ser um item a mais em termos de inovação e charme na apresentação de um empreendimento.
Veja no detalhe as placas
Veja no detalhe as placas
Localizada no bairro Higienópolis, em Porto Alegre, e com sede em Boston, nos Estados Unidos, a Seeffi é uma empresa de energia solar com atuação em projetos de eficiência energética e sustentabilidade. Atende atualmente projetos de médio e grande porte com vistas a otimizar o gasto energético de um estabelecimento por meio da instalação de placas solares ou substituição das antigas lâmpadas fluorescentes por tecnologia LED. Também aposta na realização de projetos inovadores como a criação de outras plataformas de exibição das placas (como árvores solares) e a sub-locação de energia, onde o gerador e o cliente não precisam estar necessariamente no mesmo local.
Árvore Solar _ Foto Guilherme Vitola-eleone-prestes
Árvore solar(Foto Guilherme Vitola, divulgação)
A Seeffi tem origem na união da Studioeffi e Seenergy, dois negócios com expertises diferentes e o mesmo propósito comercial: viabilizar projetos com eficiência energética. A união permitiu aliar gestão de projetos solares e instalação de placas fotovoltaicas à captação de recursos e viabilidade financeira. Juntas, as empresas criaram uma marca capaz de oferecer produtos competitivos para o mercado.
Sócio do negócio, o publicitário e admistrador Guilherme Vitola aposta no ramo para dupla realização: pessoal e econômica. Segundo ele, “o sol brilha para todos, mas para que aqueles que investem nele  ganham dinheiro todo o dia”. O início de Vitola no ramo da eficiência energética foi em abril de 2009. Desde então, desenvolveu centenas de obras de iluminação LED, reaproveitamento de recursos naturais e projetos fotovoltaicos. De lá para cá, acumulou mais de 3,3 MW instalados nos segmentos residencial, comercial, serviços, construção civil, público, industrial, entre outros.

Em janeiro de 2012, o time ganhou o reforço de Marcus Purper, engenheiro com mestrado em energias renováveis pela Universidade de Salamanca, na Espanha, e Energias Alternativas, pela UFRGS, profissional que veio para somar nos projetos em diversos setores. A empresa Seenergy Energias, por sua vez, surgiu em 2014, tendo a sua frente o sócio João Caruso Rocha e atuando no desenvolvimento de projetos fotovoltaicos em geração distribuída em Santa Catarina.

Telhado do shopping em Canoas é referência nacional 
Canoas Park-energia-solar-eleone-prestes
Canoas Park (Fotos Divulgação)
Um exemplo grande e recente do trabalho realizado por eles está no ParkshoppingCanoas, onde recentemente o grupo Multiplan instalou a maior usina solar em telhado do Rio Grande do Sul, e uma das maiores do país. O teto solar tem capacidade para gerar cerca de 30% do consumo total das lojas. A instalação de 4 mil placas solares evitam a eliminação de 3,5 mil toneladas de gás carbônico na atmosfera, em 25 anos. Para os lojistas, a economia representa um terço do custo condominal. A energia produzida é consumida imediatamente pelo shopping, sendo que quando há excedente, este retorna para a rede distribuidora, e volta para o gerador em forma de créditos para serem utilizados em outro momento.
O engenheiro Marcus Purper, que participou do projeto e faz a gestão dos painéis solares, classifica a obra como uma das maiores no âmbito da engenharia solar brasileira. A energia fotovoltaica está presente também no Parque Getúlio Vargas, localizado em frente ao shopping e totalmente restaurado como contrapartida ambiental da obra. No local, foram instaladas 16 árvores solares, uma verdadeira floresta solar capaz de captar toda a energia utilizada no parque – e manter a conta de luz da área com taxa básica.
Atualmente, segundo Purper, além de trabalhar na instalação de painéis fotovoltaicos em casas, empresas e construções, a empresa participa de feiras e eventos para intensificar o networking e conhecer novos tipos de soluções. “Buscamos nos destacar por oferecer soluções não convencionais, como por exemplo as árvores solares. Queremos trabalhar com carports (cobertura para carros), com estacionamentos, com fazendas solares, com condomínios solares, com fachadas de vidro fotovoltaico. Nosso foco tem sido em projetos maiores, com um viés mais empresarial de grande consumo”.
Mais de Equipe eleoneprestes.com

Reforma: apartamento vira prática moradia para as filhas jovens

Os pais mudaram-se para o interior do estado e decidiram reformar totalmente...
Leia Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *