Arte em pixels: Do Quadrado à Paisagem

Angela Zaffari_New York, 2017_acrílico sobre tela_150x210cm_Crédito da foto Letícia Lau
Obra de Angela Zaffari New York, 2017, acrílica sobre tela, 150x210cm (foto Letícia Lau, Divulgação)

“A cor me possui. Não preciso ir atrás dela. Ela me possui para sempre, eu sei.

E esse o significado dessa hora feliz: a cor e eu somos um. Sou pintor”. Paul Klee, 1914

Acrílica sobre tela, 40x180_2017

Pintura acrílica sobre tela, obra de 40cm x 1m80cm, 2017

Dia 3 de agosto, a próxima quinta-feira, tem vernissage no MARGSMuseu de Arte do Rio Grande do Sul, a partir das 19h. Trata-se da abertura da exposição de pinturas Do Quadrado à Paisagem, da artista Angela Zaffari, na Galeria Iberê Camargo do museu, com curadoria de Ana Zavaldil e Leticia Lau, que se estende até dia 24 de setembro.

Os visitantes verão uma instalação, que será criada para a mostra, a partir de um conjunto de caixas de acrílico transparente com papeis coloridos dentro simulando os quadrados de cor, presentes nas  pinturas,como uma nova forma de apresentar suas composições. A exposição conta com 16 pinturas acrílicas sobre tela, quatro em acrílica sobre papel e uma instalação especialmente desenvolvidas para a mostra com a mostra do trabalho formado com um mosaico de tesselas de formatos ora idênticos, ora variados.

Acrílica sobre tela_100x100_2010_2017
Acrílica sobre tela, 1mx1m, 2010-2017

Angela Zaffari conta sobre este momento e o seu processo criativo:

“Meu percurso criativo inicia com linhas horizontais e verticais riscadas na tela à mão, formando uma grade onde, intuitivamente, me permito trabalhar cores e tons, os mais variados possíveis, pois a cor é o elemento fundamental do processo criativo, e é ela que me instiga e me surpreende a cada trabalho desenvolvido.

Das linhas, uma vez cruzadas, surgiram novas formas, onde a principal delas é o quadrado. E foi nesta forma rígida que encontrei, paradoxalmente, liberdade plena de criação, pois, ao mesmo tempo em que impõe limites, cria um espaço que proporciona o uso sem fim de cores e tons, através de construções simples e limpas.

E o resultado de todo este processo é uma explosão de cores, onde a preocupação com o rigor formal inexiste, dando espaço a busca de um colorido que talvez seja inatingível, mas que proporciona uma verdadeira experiência sensorial aos olhos de quem vê.”

SERVIÇO

O que: exposição Do Quadrado à Paisagem

Quando: abertura dia 3 de agosto e visitação de 4 de agosto a 24 de setembro, de terças a domingos, das 10h às 19h

Onde: MARGS – Museu de Arte do Rio Grande do Sul, Praça da Alfândega, s/n – Centro Histórico, Porto Alegre, RS, margs.rs.gov.br, facebook.com/margsmuseu, twitter.com/margsmuseu

Quanto: entrada franca

Patrocínios: Banrisul e BRDE. Apoios: Babilônica Arte e Cultura, Nieto Ateliê de Molduras e Galeria de Arte, Café do MARGS, Arteplantas, Celulose Riograndense e AAMARGS

(Fotos Leticia Lau, Divulgação)

Tags da matéria
, , , ,
Escrito por
Mais de Eleone Prestes

Vulcão de cores derrama dourado, vermelho, amarelo e preto no décor

Saem das profundezas da terra as cores da primeira inspiração que Elisabeth...
Leia Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *